Atrações para todas as idades no hotel Le Canton

Vista do castelo na área do Village Le Canton

Se hospedar em um resort é uma boa opção de escapada durante a pandemia.  O hóspede tem acesso a uma estrutura completa, não precisa sair para compras ou restaurantes e conta com diversos serviços. 

Assim é no hotel Le Canton uma hospedagem tradicional, que fica em Teresópolis, região serrana do Rio de Janeiro.  Situado a apenas duas horas da capital, o hotel é muito procurado por famílias, mas também é um refúgio para casais.  

O Le Canton ocupa uma área total de dois milhões de metros quadrados e oferece uma programação de atividades para adultos.  Vale muito fazer as caminhadas com monitor para conhecer todo entorno do hotel, atividades ao ar livre, reservar um horário na academia que tem vista para piscina, e em algumas tardes e noites o hotel realiza quiz e bingo. Ainda dentro do complexo há um spa da marca francesa Loccitane – é imprescindível fazer reserva. Agendando uma assarem ou tratamento o hóspede tem direito a ficar por uma hora na piscina coberta do spa com um acompanhante, se desejar.

Piscina coberta no Spa Loccitane do Le Canton

Todas as tardes sai um passeio guiado pela fazendinha com parada, mas é possível ir também passear por lá por conta própria. Assim combinamos uma caminhada e o lazer da Fazenda Suíça do Le Canton . Lá é possível conhecer de perto a fábrica de queijos e ver a fabricação dos produtos com a marca do hotel. Vale conhecer uma novidade: a cerveja que leva também com a marca Le Canton.  

Produzida em Teresópolis, no entorno do hotel, a Cerveja Le Canton Alegria segue uma receita clássica de Pilsner Alemã/Tcheca, e apresenta um amargor maior do que o padrão, com aroma que remete aos grãos e flores dos lúpulos alemães utilizados em sua fabricação. Sua graduação alcoólica é de 4,9%, feita com água, maltes brasileiros e alemães, lúpulo alemão e levedura. A cerveja Le Canton Alegria está disponível para consumo dentro dos bares e restaurantes do complexo hoteleiro, mas também podem ser adquiridas em embalagens com duas cervejas, como uma lembrança do resort.  


O hotel Le Canton está dividido em três áreas temáticas e é possível transitar entre todas elas e aproveitar todas as atrações ( consulte previamente o funcionamento de algumas opções nesse período de pandemia).  O Village é onde está o hotel principal e o maior deles; o Magique, construído ao lado do Canton Ville, a área de lazer do hotel é um parque de diversões e tem também hospedagem; e a Fazenda Suíça, típica fazenda, com estrutura própria e opção para quem busca espaços mais reservados. O Le Canton conta com vans que fazem o transporte entre todos os hotéis, gratuitamente.


Os quartos são espaçosos, equipados com frigobar, adega, ammenities e alguns têm varanda com vista para o castelo.  O resort oferece três piscinas climatizadas, programação diária para adultos e crianças, bares com lounges, quadras esportivas e dentro do castelo há atividades como Ping pong, boliche e dardos.  Pelo aplicativo do hotel ( é recomendado baixar mesmo antes da viagem para já ter uma ideia da programação ) é possível reservar horário para cada uma das atividades, inclusive as refeições.   


A gastronomia no resort é uma experiência a parte.   Há vários restaurantes, alguns de especialidades onde é possível agendar alguns jantares especiais.   Recomendamos curtir a música ao vivo e tomar um drink no Cabaret Voltaire e reservar uma noite para degustar frios, vinho e fondue na Cave Du Valais ( opções não inclusas na diária).  Há uma boa carta de vinhos e drinks nos bares e restaurantes do complexo.   

O hotel segue as regras e boas práticas do Turismo responsável. O checkin é feito on-line, com acionamento por um aplicativo com reconhecimento facial. Logo na entrada, os hóspedes atravessam um portal de desinfecção. Antes de entrar nos restaurantes a temperatura de cada hóspede é aferida; as mesas de bares e restaurantes seguem padrão de distanciamento.  Em todos os espaços do resort há indicação do uso de máscaras e sinalização para que seja respeitada a distância mínima de 1,5m. O hotel disponibiliza álcool gel nas áreas comuns e redobrou os cuidados com a higiene em todos os ambientes. A capacidade dos restaurantes também foi reduzida, com um espaçamento maior entre as mesas e serviço nos buffets feito com apoio de funcionários.Todas as refeições devem ser agendadas pelo aplicativo do hotel.  

Informações e reservas pelos canais Central de Reservas: (21) 3613-9500 , WhatsApp : (21) 98879-5346  e pelo site do hotel Le Canton.

Enoturismo: uma visita à Vinícola Villa Santa Maria

Vinícola Santa Maria – SP

A vinícola Villa Santa Maria, em São Bento do Sapucaí, é uma ótima experiência de passeio, enoturismo e enogastronomia. 

Desde 2018, a vinícola conta com uma área nova com loja, espaço de eventos e degustação, e uma bruschetteria. 

O local começou com 3500 parreiras vindas da França.  Hoje tem 60 mil parreiras e metade já em plena produção. 


A vinícola ocupa uma área de 85 hectares, onde 25 deles são destinados ao plantio e os demais são área de preservação ambiental.  

A casa oferece vinhos brancos e tintos, além de espumantes. 

É importante fazer reserva para participar do tour e degustação, e também para a bruschetteria.  

Informações e reservas:

Vinícola Santa Maria 

Estrada Municipal José Theotônio da Silva, s/n Bairro do Baú – São Bento do Sapucaí (SP). 

São Bento do Sapucaí – o que fazer, onde relaxar e curtir turismo de aventura

Pedra do Baú e Bauzinho

São Bento do Sapucaí é um município de São Paulo, sitiado na Serra da Mantiqueira, há apenas 17km da badalada Campos do Jordão.  Diferente de sua vizinha, essa é uma cidade mais tranquila, repleta de opções para quem gosta dos esportes radicais e turismo de aventura.  São Bento do Sapucaí é considerada uma estância climática e fica na divisa de São Paulo e Minas Gerais, a 210 km da capital paulista, a 350 km do Rio de Janeiro e a 500 km de Belo Horizonte.

Praça onde fica o Marco Zero da cidade

A cidade tem cerca de 10 mil habitantes. Tem muita história, atrativos naturais, é conhecida pelo seu relevo, sobretudo pela Pedra do Baú e outras elevações como Bauzinho e Ana Chata, que são visitadas durante todo o ano por viajantes, amantes do ecoturismo e também praticantes de caminhadas, escaladas, trekking, mountain bike e parapente.  


Mas a cidade reúne diversos outros atrativos.  Há também cultura, história  e boa gastronomia.   

São destaque os ateliês de artesanato, como o Arte no Quilombo; as capelas feitas de mosaico ( do mestre Angelo Augusto Milani); o famoso espaço do artista plástico Ditinho Joana; a Casa de Cultura Miguel Reale; o Museu de Zé Pereira ( a maior expressão do carnaval local); e a bela igreja Matriz de São Bento. 


Onde ficar?

Em São Bento do Sapucaí há hospedagens para vários gostos e bolsos. Uma delas , com ampla área verde e espaços aconchegantes, é a Pousada do Sítio, que fica no bairro do Sítio.  Já no bairro do Serrano são destaque o hotel Aldeia dos Manacás e a Hospedaria Vida na Roça.  Para quem curte atividades e muito espaço ao ar livre vale a pena conhecer o Acampamento Paiol Grande, que fica no bairro de mesmo nome. O acampamento tem opções para grupos nos períodos de férias, acomodações para famílias e a opção de day use.


Quando o assunto é gastronomia, há muito o que conhecer na região.  Não deixe de experimentar delícias locais, como o antepasto de flor de bananeira e as frutirinhas, ambos produzidos no lindo espaço Frescor da Mantiqueira, e os deliciosos sorvetes orgânicos e veganos Itabaú.   

Sobre restaurantes da cidade, há várias opções dos casuais aos conceituados, onde é possível ter experiências e bons papos. 

Confira nossas dicas:: 

-a massa e o polpetone da Cantina Tio Giuseppe , ideal para um almoço com um bom papo, um bom vinho tempo para conhecer o ambiente repleto de antiguidades e peças diferenciadas;

-o charme e a gastronomia diferenciada do Bistrô RCS que tem também uma boa carta de vinhos e opções deliciosas e caseiras de sobremesas;

-os deliciosos sabores da  Pizzaria Deghust com uma grande variedade, e pizzas doces especiais como as de morango e chocolate e a Romeu e Julieta;

-o casual gourmet Brazin Burguer com deliciosos hambúrgueres e acompanhamentos ( são ótimos também no delivery);

-a comida caseira do restaurante Sabor da Serra que fica bem no centro da cidade ;

-o menu variado do Bar do Tião ( que tem rápido e prático delivery);

-o café da manhã da Pousada do Sítio com vista para um riacho e ampla área verde;

-os deliciosos picolés e sorvetes orgânicos do Itabaú ( não deixe de provar o de chocolate vegano);

-o café e as delícias da Cafeteria Moagem.

E para quem gosta de experiências diferenciadas em gastronomia, duas dicas para entrar na programação:

  • Uma visita à Vinícola Santa Maria – onde é possível conhecer os vinhedos e participar de um tour e degustação de vinhos brancos, tintos e hidromel.
  • Visita e tour guiado na Quinta dos Cogumelos. Ao final do passeio, passe na lojinha e conheça uma linha de produtos muito interessante com cogumelos shitake e shimeji.


Para saber mais sobre a cidade siga Descubra São Bento e o perfil São Bento do Sapucaí.

  • Viagem a convite da Associação Comercial e Inddustrial de São Bento do Sapucaí (Acisb), ClubPress, com apoio da Prefeitura de São Bento do Sapucaí, revista Travel for Lifestyle e Sabores da Montanha.

Hotel Fazenda Florença – história e café premiado

Hotel fazenda é um tipo de hospedagem que reúne atividades rurais, passeios ecológicos e história.  O Hotel Fazenda Florença oferece tudo isso e mais – além de um casarão histórico, áreas de lazer adulto e infantil, amplo e diferenciado restaurante e um tour por cafezal próprio onde produzem café premiado. 

A Fazenda Florença, que fica em Valença (RJ), a cerca de três horas de viagem apenas da capital, foi criada em 1852.  Depois de tantas histórias que reúne personagens ilustres da história brasileira, há 21 anos ela pertence ao atual proprietário, e como hotel existe há 17 anos. 

O hotel tem pacote de hospedagem aos fins de semana com lindas áreas ao ar livre, passeios a cavalo, boa gastronomia e tours que encantam por reunir experiência, história e cultura.  O local tem decoração em estilo colonial e é importante parte da história do Vale do Café.  A fazenda já foi cenário de novelas como Sinhá Moça, Escrava Isaura, dentre outras.

O hotel fazenda Florença reabriu há poucos meses. seguindo todos os protocolos de segurança e higiene. O proprietário Paulo Roberto reforçou práticas como uso de lavanderia própria, higienização completa e frequente do restaurante, sinalização de distanciamento social nas áreas comuns e adotou um cardápio a la carte no restaurante – agora sob o comando do conceituado chef Júlio Lima.  


A fazenda produz um café premiado internacionalmente, que é servido no café da manhã do hotel e também logo à chegada, após o checkin.  O processo de produção local tem colheita manual feita por equipe treinada na fazenda.  A plantação local existe há cerca de quatro anos e o café gourmet produzido foi recentemente eleito o melhor do estado do Rio de Janeiro e ficou entre os mais bem destacados do Brasil.  Aos sábados é realizado um tour completo com degustação do café e apresentação do processo de torra – incluso para hóspedes e aberto também para não hóspedes. 

Aos domingos acontece o tour pelo casarão da fazenda. O espaço reúne um amplo acervo de decoração e objetos de época que contam um pouco da história da vida de um dos barões do café. Além da visita aos ambientes da casa, os participantes conhecem também bonecos em tamanho real da monarquia brasileira.  Quando terminar a pandemia, é esperado retomarem a realização de saraus – com apresentações teatrais – e jantar também seguindo as tradições, um jantar imperial.  Esse evento é organizado para grupos fechados.  


A fazenda conta com estrutura de duas piscinas, , academia, sauna, parque infantil, quadras esportivas, e ainda uma capela e área com carros antigos e carruagens abertos à visitação – que é um charme a parte. Alguns serviços em ambiente fechado estão temporariamente sem funcionar, devido a pandemia.  

O hotel fazenda Florença fica muito próxima à cidade turística de Conservatória, conhecida como a cidade das serestas. Vale também a visita.  

Estrada da Cachoeira, 1560 – Valença – Conservatória – Rio de janeiro.

Ouro de Minas – hospedagem diferenciada para curtir um passeio em Tiradentes

Pousada Ouro de Minas. Tiradentes. MG

A cidade de Tiradentes, em Minas Gerais, é um conjunto arquitetônico e urbanístico tombado pelo Iphan, em 1938. Além de suas edificações coloniais, todos os vestígios da forma de ocupação da cidade, as áreas verdes, tudo representa parte importante da história brasileira, dos tempos da colonização portuguesa e da corrida pelo ouro.  

Em cada quadra da cidade há muita história, cultura e beleza.  Passear por Tiradentes é uma viagem no tempo e, sem dúvida, a cidade tem um dos acervos arquitetônicos mais bonitos e importantes de Minas Gerais.  Tiradentes tem hoje mais de 200 opções de hospedagem e algumas se destacam por seu estilo e decoração. 

Como dica de hospedagem com serviço e atendimento muito cuidadoso, desde o primeiro contato, do check in com delicioso cafezinho, até as delícias do café da manhã diário e espaços de descanso, a pousada Ouro de Minas é um achado.  

A pousada está bem próxima ao centro histórico de Tiradentes e, ao mesmo tempo, numa rua tranquila, com espaço de estacionamento próprio  ( não é comum na cidade).  

A Ouro de Minas foi criada em 2009 e desde então já expandiu o número de quartos – hoje oferece 16 suítes, e aprimorou sua decoração que é um charme.  Com mobiliário local cuidadosamente escolhido ( feito pela Móveis Rústicos Garcia, há 30 anos fabricante mineira de peças artesanais), a pousada Ouro de Minas tem opção de suítes para atender a diversos públicos, e opções bem românticas e aconchegantes com hidromassagem.

Na pousada o hóspede conta com um delicioso e variado café da manhã em sistema buffet – seguindo todas as boas práticas do atual momento de pandemia e as regras do sistema Minas Consciente.  Há também piscina, sauna e áreas para leitura ou bate papo. 

Ao se hospedar, não deixe de obter preciosas dicas da cidade na recepção.  A equipe também faz reservas nos restaurantes da cidade e ajuda com importantes indicações de passeios.  

Reserve pelo menos quatro dias para um passeio com muita história, cultura e boa gastronomia – ponto forte também de Tiradentes. Se tiver mais tempo, aproveite e conheça com mais calma todas as possibilidades que a cidade oferece.  

Vista da igreja Matriz, em Tiradentes

Durante a semana, por tempo limitado, a pousada Ouro de Minas oferece uma promoção especial com descontos na hospedagem.

Fazenda que hospeda – história e novos serviços na Fazenda São Luiz da Boa Sorte

Fazenda São Luiz da Boa Sorte

O hotel Fazenda São Luiz da Boa Sorte está ressignificando hospedagem e gastronomia. Se hospedar numa fazenda pode representar uma experiência bem diferente do que se vê habitualmente no mercado.  Com um investimento importante em equipe especializada e serviços diferenciados, o hotel oferece opções de lazer e de gastronomia que superam expectativas.  

A fazenda fica na cidade de Vassouras, na BR 393, no Vale do Café, no Rio de Janeiro.   O seu nome é fruto da união de duas importantes fazendas do Ciclo Áureo do Café, a São Luiz e a Boa Sorte. Essas foram grandes fazendas do café e para oferecer hoje esse diferenciado padrão de hospedagem e experiência, passaram por uma restauração ampla e meticulosa.  Hoje é possível conhecer muito da história local e do cultivo do café em diversos ambientes e em cada detalhe da casa sede, do restaurante Tulha e até mesmo na recepção do hotel.   

Muito bem decorada e bem cuidada, a fazenda conta com uma sede onde estão suítes, áreas de convivência e, logo ao lado uma bela piscina aquecida que conta com serviço de bar de drinks, com uma carta assinada pela bartender Laura Paravato.   Outras suítes estão em uma outra área de hospedagem, mais nova e mais afastada da sede.   As suítes estão ambientadas com móveis de decoração de época, o que torna a experiência de se hospedar na fazenda única – e os detalhes da história e das peças da casa podem ser conhecidos durante um tour incluído na estadia no hotel.  

Na parte de lazer são destaque: a “prainha” de água doce, onde adultos e crianças nadam, curtem caiaque e boias; um spa com academia, sauna e hidromassagem; fazendinha; trilhas para caminhadas e cavalgada; e uma ampla área verde para passear e relaxar.  Para as crianças há recreação com atividades durante todo o dia. 

A história e a cultura do local e da região podem ser conhecidos de perto e com muitos detalhes num tour que acontece aos fins de semana. A fazenda conta com o Museu do Café em seu terreno, bem próximo à casa sede.  O museu foi criado para que a história dos escravos na época dos Barões do Café fosse preservada e que até hoje seja contada por muitas gerações. Numa visita guiada pelo museu é possível conhecer o processo de fabricação do café à época e como viviam os escravos que trabalhavam nas fazendas.  O historiador Marcelo nos leva por uma visita enriquecedora de cultura e conhecimento nesse museu e também no interior da sede.  

O restaurante Tulha é uma experiência a parte.  Aberto também para não hóspedes, o espaço oferece café da manhã, almoço, queijos e vinhos, e jantar.  Sob comando do maître Raimundo ( com experiência no Copacabana Palace e outros hotéis renomados no Rio de Janeiro), a equipe do Tulha oferece culinária brasileira e segue, de forma diferenciada, importantes padrões de segurança e qualidade no atendimento, tão importantes em temos de pandemia.  

O hotel fazenda São Luiz da Boa Sorte oferece pacotes de fim de semana e feriados prolongados, e pode atender em datas diferenciadas para grupos.  
– BR 393 – Rodovia Lúcio Meira – KM 210 – Vassouras/RJ.

Parque da Cerveja – passeio e experiência em Campos do Jordão

Cerveja Campos do Jordão- SP

Numa área de 240 mil m2, com cachoeira e amplo espaço ao ar livre, está uma das mais novas e diferenciadas atrações de Campos do Jordão ( SP): o parque da Cerveja. 

O passeio é especial para os amantes da Cerveja mas tem muitas opções para quem quer relaxar e curtir em família também.  O parque criado em 2020 pela Cerveja Campos do Jordão – uma das mais tradicionais da cidade – tem espaço para eventos, piquenique, caminhadas, uma área de visitação à fábrica da Cerveja para quem quer aprender sobre a fabricação da bebida e o restaurante Alto da Brasa.  

Após um tour pela fábrica não deixe de comprar cervejas e souvenires na loja ao lado do restaurante.  

E se for passar o dia não deixe de degustar as delícias do restaurante Alto da Brasa que harmonizam com as cervejas locais.  Esse é um passeio imperdível para quem visita essa turística cidade.  

Parque da Cerveja – Estrada Municipal Paulo Costa Lenz Cesar, 2150 – Gavião Gonzaga Campos do Jordão, SP.

Fazenda Geneve – experiência e gastronomia em Teresópolis

Fazenda Geneve – Teresópolis ( RJ)

A fazenda Geneve é uma referência e até um ponto turístico em Teresópolis. O local, que fica na estrada Teresópolis-Friburgo, ganhou esse nome na década de 90 quando os proprietários decidiram comprar cabras do Canadá e iniciaram a criação na fazenda. 

Em 96, com o avanço do capril, teve início a produção de queijos de cabra. Hoje a queijaria Geneve tem reconhecimento nacional, uma produção artesanal mas que já atinge a marca de uma tonelada e meio por mês.   Tudo é cuidado de perto pela empresária Rose Garcia.  Além de empreendedora e cheia de ideias, Rose é apaixonada pelo que faz e busca excelência na produção artesanal de queijos – o que já conquistou ao longo de tantos anos de dedicação. 


Na fazenda Geneve são produzidos  queijos de cabra que são servidos em restaurantes conceituados do Brasil e admirados por grandes chefs. “Todo processo é feito no local e tudo mantido de forma muito artesanal”, explica Rose Garcia.  

A marca tem queijos frescos e os chamados mofados, que têm uma crosta.  A queijaria produz as opções aperitif, Charolais, Crottin, Pyramide ( feito em formas vindas diretamente da França), Chevrotin, Brique, Caprino, Frescal, Ste.Maure e Boursin.  

Além de atender ao mercado de restaurantes, desde o ano passado a marca oferece kits para entrega no Rio de Janeiro.  “Entregamos semanalmente em restaurantes, hotéis e residências”, afirma Rose.  

Outra novidade da marca é a criação de uma vitrine exclusiva Geneve em algumas lojas da rede de supermercados Zona Sul, no Rio de Janeiro (Barra da Tijuca, Ipanema e Leblon). 

Além de conhecer a linda área verde da fazenda, visitar a queijaria e comprar os produtos no local, o visitante pode almoçar no restaurante Crémerie.  Em atividade desde 1998, e comandado pelo chef Reinaldo Pires, o Cremerie abre normalmente de quinta a domingo. O chef trabalha com um menu semanal. São destaques por lá: o croquete de queijo de cabra, pratos especiais de carne ( como o filet mignon com batata rostie) ou peixe, e não deixe de experimentar o guaraná Friburgo, fabricado na cidade vizinha de mesmo nome. As sobremesas do restaurante são todas feitas na casa.  

Para conhecer mais siga no Instagram a Queijaria Geneve e o Restaurante Crémerie.  

Jantar Imperial é apresentado na Casa Marambaia

Restaurante da Casa Marambaia

O Jantar Imperial, experiência baseada em receitas de banquetes apreciados por Dom Pedro II, traz de volta um menu servido à realeza em 1883.  

Os chefs Rolland Vilmar, David Mansaud e Bruno Hamad recriaram uma experiência única e especial na Casa Marambaia, hotel Boutique que fica em Corrêas, distrito de Petrópolis, região serrana do Rio de Janeiro.  Os chefs visitam os comensais à mesa dando explicações sobre o menu, contando curiosidades e tornando a experiência ainda mais interessante.  

Nessa primeira edição ( março / 21), os chefs criaram versões atuais da sopa Saint Germain de ervilhas e croûtons para o couvert, seguida por primavera de legumes com bisque de crustáceos e salmão Imperial com Beurre Blanc, aspargos e couve-flor Dubarry como entradas. Como prato principal, tornedor de filet mignon à la Richelieu com molho de foie gras, batatas Pompadour perfumadas ao molho com sabor de trufas. Esse foi, sem dúvida, um ponto alto do jantar que harmonizou muito bem com vinho tinto francês.  

Para o gran finale, o delicioso pudim Diplomate com calda de frutas vermelhas e chantilly e uma seleção de mignardises – financier, macarons e chocolates.

Para o chef David Mansaur, “a ideia é representar as receitas o mais próximo possível do original, sem inovações ou algo sofisticado.  Seguimos o clima da época”, detalhou o chef que destacou no menu à mesa que essa primeira experiência reproduz um banquete datado de agosto de 1883.  

Casa Marambaia

O Jantar Imperial acontecerá na terceira sexta-feira de cada mês.  O menu sai a custa R$ 225 (+10%) por pessoa, sem bebidas. Já a versão harmonizada, com dois vinhos franceses e um português, sai por R$ 450 (+10%). 

As reservas devem ser feitas diretamente com a Casa Marambaia.  

Casa Marambaia – R. Dr. Agostinho Goulão – Corrêas, Petrópolis (RJ). Reservas: (24) 2236-3650 | (24) 99965-2115.

Eataly, em São Paulo, lança menu beneficente

Foto divulgação Eataly SP

O Eataly, centro gastronômico italiano sediado em São Paulo, realiza a campanha Un Giorno in Italia, uma verdadeira viagem pelos destinos mais famosos da Itália, como Milão, Roma, Florença e Nápoles, mostrando o que há de melhor nas gastronomias locais. 

De 12 a 14/3, o Eataly decidiu contribuir mais uma vez com a ONG Casa do Rio, seguindo o compromisso da empresa de sempre fomentar parcerias de colaboração com instituições beneficentes. 

Foram convidados os chefs Ygor Lopes e Waklyria Fagundes, Antonio Maiolica, Vitor Bourguignon e Luiz Filipe Souza para se unirem ao chef da casa José Barattino e criarem um menu beneficente especial, chamado Menu dell’ Italia, que será dividido em cinco tempos e estará disponível para almoço e jantar com delivery no iFood ou retirada no Eataly, pelo valor de R﹩170. Os pratos escolhidos mantêm a ideia da campanha Un Giorno in Italia e homenageia a gastronomia italiana. 

O centro gastronômico já contribuiu com cerca de R$30 mil para o projeto, fruto de menus beneficentes lançados em 2020, e tem o objetivo de arrecadar R$ 150 mil até o final deste ano.

Ranking das cidades com o maior número de acomodações acolhedoras do Brasil

Rio de Janeiro está na lista

Anualmente, a Booking.com homenageia, por meio do Traveller Review Awards, parceiros de acomodações e transporte no mundo todo que se destacam por sua hospitalidade. 

Essa premiação reconhece as propriedades parceiras que ofereceram os melhores serviços e foram avaliadas com as melhores notas pelos viajantes e, neste ano, o Brasil está no ranking dos 10 países com maior número de vencedores. 

As cidades brasileiras que tiveram mais acomodações premiadas foram:

Florianópolis (SC) – 1788 acomodações premiadas

Rio de Janeiro (RJ) – 1716 acomodações premiadas

Ubatuba (SP) – 1116 acomodações premiadas

São Paulo (SP) – 1026 acomodações premiadas

Gramado (RS) – 962 acomodações premiadas

Porto de Galinhas (PE) – 806 acomodações premiadas

Guarujá (SP) – 725 acomodações premiadas

Bombinhas (SC) – 676 acomodações premiadas

Cabo Frio (RJ) – 610 acomodações premiadas.

O Traveller Review Awards 2021 elencou os vencedores a partir das avaliações das propriedades que os viajantes fizeram na Booking.com, após sua estadia, de acordo com as suas experiências e o que eles mais valorizam dentro das categorias avaliadas. A categoria “funcionários” foi a mais bem avaliada entre os vencedores do Traveller Review Award 2021 no Brasil, seguida pela limpeza e localização da acomodação – resultado que está em linha com as tendências globais. 

Com o aumento da preocupação dos consumidores com relação à saúde e higiene, não é de se surpreender que os vencedores tiveram, em média, uma nota de limpeza 17% maior do que a nota média de limpeza das propriedades não vencedoras, o que sugere que esse aspecto pode ser o diferencial para uma estadia perfeita.

Itapemirim Transportes recebe sua primeira aeronave

Foto: divulgação

Reconhecida no Brasil por sua experiência em transporte terrestre, a Itapemirim recebe uma aeronave em sua frota. 

A proposta da Itapemirim Transportes Aéreos é oferecer aeronaves com maior espaço entre as poltronas e serviço de bordo diferenciado.

“Estamos radiantes com a oportunidade de riscar céu brasileiro com as cores da Itapemirim e oferecer novas possibilidades de viagem para todos os brasileiros.”, comemora Sidnei Piva, presidente do Grupo Itapemirim. 

Hotel das Cataratas recebe 5 estrelas pelo Forbes Travel Guide

Foto divulgação

O Hotel das Cataratas, hotel de luxo do grupo Belmond,  situado dentro do Parque Nacional do Iguaçu, foi reconhecido, pela quarta vez consecutiva, por um dos principais guias de turismo de luxo do mundo, o Forbes Travel Guide, como único do Brasil e da América do Sul a ostentar a cotação máxima de cinco estrelas.

Sua localização única e privilegiada proporciona aos hóspedes experiências exclusivas de visitação ao parque, além de contato com a exuberante natureza da região. 

O Forbes Travel Guide é referência global em hospitalidade de luxo e já está em sua 63ª edição. O time de inspetores profissionais viaja o mundo, de forma anônima, para avaliar hotéis, restaurantes e spas com base em 900 padrões objetivos que determinam as categorias: cinco estrelas, quatro estrelas e recomendados.

Tour nos vinhedos e degustação em São Paulo

Foto divulgação

A Vinícola Góes oferece durante esse mês de fevereiro uma experiência para os fãs de vinhos.   Um passeio guiado pelos parreirais, que estão em plena safra com uma degustação de vinhos e espumantes produzidos pela tradicional vinícola paulista.

Os participantes da degustação guiada ainda ganham uma taça personalizada e voucher para as compras na loja.  

O passeio segue todas as normas de segurança exigidas pelas autoridades de saúde (uso de máscaras durante toda a atividade, álcool em gel e distanciamento social) e tem vagas limitadas a no máximo 14 pessoas por passeio. A reserva pode ser feita na hora, mediante disponibilidade de vaga. O percurso dura, em média, uma hora e o valor para desfrutar de toda esta experiência é de R$65.

Para informações e reservas na Vinícola Góes, entre em contato pelo tel.  (11) 4711-3500

*Vinícola Góes – Estrada do Vinho, 9111 – Km 9 – Canguera – São Roque/SP.